Ação integrada detém cinco suspeitos de envolvimento em explosões de caixas eletrônicos na Paraíba

setembro 23, 2016
948 Visualizações

quadrilha

Uma ação integrada entre as polícias militar, federal e civil, no município de Patos, resultou na detenção de cinco pessoas suspeitas de envolvimento em explosões de caixas eletrônicos na região de Campina Grande e também no sertão paraibano.

Durante a operação policial quatro veículos foram interceptados na entrada da cidade de Patos. Dois suspeitos que estavam em um dos carros conseguiram fugir depois de desembarcar do veículo.

Os policiais chegaram a trocar tiros com o grupo durante a perseguição, mas ninguém foi ferido no confronto.Dentro de um dos veículos apreendidos foram encontradas duas pistolas, um revólver calibre 38 e ainda um colete a prova de balas e vários rádios transmissores.

Os cinco detidos juntamente todo o material apreendido ficaram à disposição da Polícia Federal

Comente esta matéria

Você também pode gostar

Prefeitura de Mamanguape nega que haja excessos na contratação de comissionados
Política
0 shares7 views
Política
0 shares7 views

Prefeitura de Mamanguape nega que haja excessos na contratação de comissionados

Jota Alves - abr 24, 2019

Para a Procuradoria-geral de Mamanguape, o entendimento é que o MPPB deseja apenas uma “reestruturação administrativa”

Polícia desarticula quadrilha suspeita de realizar vendas fraudulentas de veículos pelo site OLX
Uncategorized
0 shares7 views
Uncategorized
0 shares7 views

Polícia desarticula quadrilha suspeita de realizar vendas fraudulentas de veículos pelo site OLX

Jota Alves - abr 24, 2019

O chefe da quadrilha em João Pessoa é conhecido por Júlio César, que tem apoio de outros fraudadores

Assembleia aprova lei que institui dia da maconha medicinal
Política
0 shares30 views
Política
0 shares30 views

Assembleia aprova lei que institui dia da maconha medicinal

Jota Alves - abr 23, 2019

Estela ressaltou que a Paraíba está na vanguarda de uso terapêutico da Cannabis

Leave a Comment

Your email address will not be published.