Carro bate em poste e fica destruído após ‘racha’ entre dois veículos

As informações repassadas por testemunhas no local à Polícia Ambiental são de que os ocupantes do outro veículo teriam saído correndo do carro

dezembro 15, 2018
257 Visualizações

Um carro se partiu ao meio após bater em um poste, na Avenida Pedro II, em João Pessoa, no início da manhã deste sábado (15). De acordo com a Polícia Ambiental, que esteve no local, o carro fazia um “racha” com outro veículo no momento do acidente.

Segundo informações repassadas por uma das ocupantes do veículo à Polícia Ambiental, o carro que ficou destruído estava fazendo “racha” com outro, quando se tocaram e aconteceu o acidente. Um dos carros bateu na mureta central da pista e, em seguida, colidiu com o poste. Apenas uma pessoa ficou levemente ferida.

As informações repassadas por testemunhas no local à Polícia Ambiental são de que os ocupantes do outro veículo teriam saído correndo do carro, após o acidente, atirando para cima. No entanto, ninguém foi localizado até às 7h27 deste sábado.

Do G1PB

Comente esta matéria

Você também pode gostar

Ação policial prende grupo criminoso que toca o terror em Solânea e Araruna
Policial
shares0 views
Policial
shares0 views

Ação policial prende grupo criminoso que toca o terror em Solânea e Araruna

Jota Alves - jul 16, 2019

Com o grupo, também foi apreendida uma grande quantidade de maconha e crack, destinadas ao tráfico.

Moro chama novos vazamentos de ‘ridículos’ e desafia ‘The Intercept’
Política
0 shares43 views
Política
0 shares43 views

Moro chama novos vazamentos de ‘ridículos’ e desafia ‘The Intercept’

Jota Alves - jul 16, 2019

O ex-juiz ainda desafiou a equipe de reportagem, dizendo: “se houver algo autêntico, publiquem por gentileza”.

Homicídios caem 21,8% no semestre e projeção aponta mais uma redução em 2019
Policial
0 shares67 views
Policial
0 shares67 views

Homicídios caem 21,8% no semestre e projeção aponta mais uma redução em 2019

Jota Alves - jul 16, 2019

Com esses números, o Estado continua a ser o único do Brasil a reduzir homicídios durante sete anos consecutivos e ainda neste 1º semestre.