CCJ do Senado aprova reajuste para salários de ministros do STF

agosto 3, 2016
1296 Visualizações

STF_ministros

A Comissão de Constituição e Justiça do Senado (CCJ) aprovou hoje (3) o reajuste dos salários dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF). Pelo texto aprovado, que segue para análise da Comissão de Assuntos Econômicos da Casa (CAE), o valor passará dos atuais R$ 33.713,00 para R$ 36.763 este ano e R$ 39.298, em janeiro de 2017.

Os salários dos ministros do STF correspondem ao teto do funcionalismo público. Por isso, o reajuste tem efeito cascata, podendo significar também reajustes nos salários de funcionários públicos do alto escalão do governo.

Relator da matéria, o senador José Maranhão (PMDB-PB) justificou o parecer favorável ao aumento, lembrando que o valor está defasado em relação à inflação e que foi reajustado pela última vez em janeiro de 2015. Se for aprovado na CAE, o texto seguirá para o plenário do Senado.

Fonte: Agência Brasil

Comente esta matéria

Você também pode gostar

Estudantes de Escola Cidadã Integral de Guarabira se destacam na redação do Enem
Notícias
0 shares69 views
Notícias
0 shares69 views

Estudantes de Escola Cidadã Integral de Guarabira se destacam na redação do Enem

Jota Alves - jan 19, 2019

Diretor da ECI, o professor Tiago Xavier usou seus perfis nas redes sociais para comemorar o resultado

Em delação, ex-ministro Palocci diz que Dilma ‘deu corda’ para Lava Jato implicar Lula
Política
0 shares21 views
Política
0 shares21 views

Em delação, ex-ministro Palocci diz que Dilma ‘deu corda’ para Lava Jato implicar Lula

Jota Alves - jan 19, 2019

Segundo o documento complementar, ao permitir o avanço da Lava Jato, Dilma tentava "sufocar" Lula para que ele desistisse de concorrer à presidência em 2014.

Novo relatório do Coaf aponta 48 depósitos em dinheiro a Flavio Bolsonaro
Política
0 shares18 views
Política
0 shares18 views

Novo relatório do Coaf aponta 48 depósitos em dinheiro a Flavio Bolsonaro

Jota Alves - jan 19, 2019

Os depósitos foram feitos em cinco dias, no serviço de autoatendimento da agência bancária da Assembleia Legislativa do Rio

Leave a Comment

Your email address will not be published.