Deputado Raniery Paulino se envolve em confusão na Assembleia Legislativa

deputados-confusao

 

A sessão na Assembleia Legislativa da Paraíba terminou em confusão nesta quarta-feira (13). O embate foi protagonizado pelos deputados Jeová Campos (PSB), Bruno Cunha Lima (PSDB) e Raniery Paulino (PMDB). Palavras de baixo calão foram proferidas.

De acordo com o líder da oposição, Renato Gadelha (PSC), o socialista teria se exaltado com os parlamentares da oposição após a falta de quórum para votação de um requerimento de sua autoria que beneficiava o município de São José de Piranhas.

“Quando Bruno pediu verificação de quórum, já não existiam deputados suficientes para votação. Eu concordo com o deputado Raniery Paulino, que é extremamente educado na sua fala, nas suas colocações. Ele (Jeová) solicitou à Mesa a votação de um requerimento do seu interesse, mas não tinha quórum. A oposição é quem tem menos culpa nesse episódio”, disse.

Jeová acusou Raniery Paulino de chamá-lo de “chiliqueiro” e cobrou a presença dos parlamentares em plenário.

“Vossa Excelência conviveu comigo por quatro anos. Nunca tive problemas pessoais com deputados e Vossa Excelência me chama de chiliqueiro”, se queixou.

O peemedebista rebateu o socialista e chamou Jeová de ‘destemperado’ e com ‘desequilíbrio mental.

Fonte: Nordeste1