Guarabira: Marcelo Bandeira fala em medidas de austeridade em entrevista à Rádio Cultura FM

No começo da noite desta quinta-feira (3), o presidente da Câmara de Vereadores de Guarabira, Marcelo Bandeira (PSB), foi o entrevistado do radialista Martins Júnior no programa Conexão Cultura, da nova Rádio Cultura FM de Guarabira.

Durante uma hora, o parlamentar foi questionado sobre os primeiros dias como presidente da Casa Osório de Aquino e disse que ainda está tomando pé da situação e agradeceu o apoio que está tendo da ex-presidente Neide de Teotônio com os procedimentos burocráticos necessários para o bom andamento da Câmara.

“Nós fizemos várias reuniões com a equipe da presidente Neide, no finalzinho de seu mandato, estivemos com o nosso contador durante o processo de transição e ainda estamos tomando pé da situação, das questões burocráticas. Estamos apenas iniciando esse período e, de público, que agradecer a Neide de Teotônio por estar nos apoiando neste momento inicial. Estamos recorrendo a ela e tudo está sendo feito da forma mais transparente possível”, disse Bandeira.

O presidente também foi indagado a respeito das medidas de austeridade tomadas nos dois anos de Neide e Marcelo assegurou que manterá o mesmo perfil de contenção de gastos, que está nomeando o menor número possível de assessores e manterá o gasto zero com combustíveis.

“A presidência hoje teria direito a dezesseis assessorias e não achamos necessário isso tudo. A presidente Neide manteve apenas seis e nós iremos manter apenas seis cargos. Cortamos por exemplo a questão do carro da Câmara, do transporte, iremos manter esse corte. Então são ações de austeridade que são necessárias para fazer o que ainda precisa. Essa austeridade será mantida e entendo que a sociedade cobra isso dos políticos”, falou o vereador.

Durante a entrevista, Marcelo respondeu a perguntas de ouvintes através dos telefones da emissora e foi parabenizado pela ascensão ao posto de presidente do poder legislativo.