Idoso reage a assalto dentro de casa e mata ladrão com tiro na cabeça

As pessoas estavam na calçada quando dois homens chegaram de moto e anunciaram o assalto.

maio 16, 2019
84 Visualizações

Uma tentativa de assalto em Cajazeiras, na noite desta quarta-feira (15), resultou na morte de um dos suspeitos do crime.

De acordo com as primeiras informações da Polícia Militar, a vítima fatal foi morta com um tiro na cabeça quando assaltava pessoas de uma mesma família na porta de uma residência, no sítio Capoeira Sul.

As pessoas estavam na calçada quando dois homens chegaram de moto e anunciaram o assalto. Ao perceber a ação dos bandidos, o proprietário da casa, que já é idoso, pegou uma arma e reagiu atirando.

Um dos assaltantes morreu no local e o outro fugiu, mas horas depois foi localizado nas imediações da Agrovila e preso em flagrante. A identidade do idoso que atirou e dos assaltantes ainda não foi divulgada pela polícia.

Fonte: Diário do Sertão

Comente esta matéria

Você também pode gostar

Em sessão solene, Câmara de Guarabira encerra semestre legislativo e entrega honrarias
Política
0 shares16 views
Política
0 shares16 views

Em sessão solene, Câmara de Guarabira encerra semestre legislativo e entrega honrarias

Jota Alves - jun 14, 2019

O plenário da Casa Osório de Aquino ficou lotada de convidados para prestigiar a solenidade

Neymar diz à polícia que usou preservativo com Najila, deu tapas a pedido dela, e que modelo posou para fotos das nádegas
Notícias
0 shares35 views
Notícias
0 shares35 views

Neymar diz à polícia que usou preservativo com Najila, deu tapas a pedido dela, e que modelo posou para fotos das nádegas

Jota Alves - jun 14, 2019

Neymar confirmou que tinha bebido no dia do 1º encontro, mas apenas 1 dose, pois tinha acabado de sair de um treino

Greve geral: escolas fechadas, bloqueios em ruas e garagens de ônibus, na Paraíba
Notícias
0 shares58 views
Notícias
0 shares58 views

Greve geral: escolas fechadas, bloqueios em ruas e garagens de ônibus, na Paraíba

Jota Alves - jun 14, 2019

Em Guarabira, embora não haja até agora registros de protestos, estudantes, professores e técnicos dos campus da UEPB e IFPB aderiram à greve geral.