Maioria é contra autorizar aborto para grávidas com zika, aponta pesquisa

fevereiro 29, 2016
392 Visualizações

Zika

Para 58% da população brasileira, mulheres infectadas pelo vírus zika não deveria ter permissão para abortar. A maioria também mantém a postura mesmo em casos de confirmação de que o bebê terá microcefalia (51%), a má-formação no cérebro de recém nascidos.

Esse é o resultado de uma pesquisa do Datafolha divulgada nesta segunda-feira (29). A defesa do direito ao aborto nestes casos foi feita por 32% dos entrevistados e 10% não opinaram. A rejeição ao aborto é maior entre mulheres (61%, ante 46% dos homens).

Estudos recentes reforçam as evidências de que a epidemia de zika pode estar associada ao surto de casos de bebês nascidos com microcefalia no Brasil. Um grupo de estudiosos de questões ligadas às mulheres, o Instituto Anis, já afirmou que pretende apresentar em até dois meses uma ação no Supremo Tribunal Federal (STF) para permitir a legalização do aborto decorrente de contágio pelo zika. O processo deverá pedir à Corte que conceda o direito às gestantes de interromper a gravidez caso tenham sido infectados pelo vírus que pode causar, entre outras doenças, microcefalia nos fetos.

Nesta segunda-feira, 29, o ministro da Saúde Marcelo Castro disse que a posição do ministério é a da “defesa da legalidade”. “Nós somos agentes públicos e cabe a nós não fazer as leis, mas aplicá-las. E as leis brasileiras não permitem o aborto nesses casos de microcefalia. É permitido no caso de anencefalia, no caso de estupro e no caso de perigo de vida iminente da mãe. O Supremo Tribunal Federal vai julgar sobre isso. É um debate que a sociedade está fazendo”, disse.

Fonte: Estadão

Comente esta matéria

Você também pode gostar

Empresário é preso suspeito de furto de energia em Caiçara
Policial
0 shares7 views
Policial
0 shares7 views

Empresário é preso suspeito de furto de energia em Caiçara

Jota Alves - abr 16, 2019

A guarnição comandada pelo soldado Gérson realizava diligências quando foi acionada por um funcionário da empresa distribuidora de energia

Moraes ignora Dodge e mantém aberto inquérito que apura ataques ao STF
Notícias
0 shares7 views
Notícias
0 shares7 views

Moraes ignora Dodge e mantém aberto inquérito que apura ataques ao STF

Jota Alves - abr 16, 2019

No ofício enviado ao STF, Dodge deixou claro que não levaria em conta nenhum elemento do inquérito para apresentar denúncia contra investigados

Câmara de Guarabira não terá expediente nesta quarta-feira e retoma atividades na segunda
Política
0 shares19 views
Política
0 shares19 views

Câmara de Guarabira não terá expediente nesta quarta-feira e retoma atividades na segunda

Jota Alves - abr 16, 2019

De acordo com o presidente da Câmara, Marcelo Bandeira (PSB), o calendário oficial da Prefeitura de Guarabira já prevê ponto facultativo

Leave a Comment

Your email address will not be published.