No Facebook, Dilma diz que “guerra contra corrupção deve ser permanente”

abril 13, 2015
639 Visualizações

dilma3

No mesmo dia em que milhares de pessoas se manifestaram pelo país contra o governo e contra a corrupção, foi postada uma mensagem, na página da presidente Dilma Rousseff na rede social Facebook, que diz o combate à corrupção é uma meta constante do governo federal.

A página da presidente da República no Facebook é administrada pelo Partido dos Trabalhadores. Segundo o Palácio do Planalto, essas declarações não foram dadas neste domingo (12) pela presidente da República. Trata-se de uma compilação de frases recentes de Dilma Rousseff sobre o assunto.

“A guerra contra a corrupção deve ser, simultaneamente, uma tarefa de todas as instituições, uma ação permanente do governo e também um momento de reflexão da sociedade de afirmação de valores éticos”, afirma a presidente na mensagem divulgada neste domingo.
No mês passado, após as manifestações registradas em 15 de março em todo o país, o governo enviou ao Congresso Nacional um “pacote anticorrupção”, conjunto de propostas elaboradas pelo Executivo para inibir e punir irregularidades na administração pública.

Manifestações
Manifestantes fizeram protestos contra o governo de Dilma Rousseff e contra a corrupção em mais de 200 cidades em 24 estados e no Distrito Federal neste domingo.
Os números de manifestantes – 700 mil, segundo a polícia, ou 1,5 milhão, segundo os organizadores – foram menores do que nos atos de 15 de março.

Há pouco mais de um mês, 2,4 milhões de pessoas, segundo a polícia, ou 3 milhões, segundo os organizadores, protestaram em 252 cidades de todos os estados do país e no DF.
Em São Paulo, o cofundador do Movimento Brasil Livre, Kim Kataguiri, comentou a baixa nas estimativas de público: “Ainda que tenha tido menos pessoas, para a gente, é mais importante fazer protestos localizados do que reunir todo mundo em um só lugar”.

As palavras de ordem foram as mesmas do último grande protesto: contra a corrupção, o governo e o PT. Mas desta vez todos os principais movimentos, entre eles o Vem Pra Rua, pediram a saída da presidente Dilma Rousseff. Em 15 de março, nem todos falavam em impeachment.

Comente esta matéria

Você também pode gostar

Justiça suspende por 30 dias eleição da Associação Paraibana de Imprensa
Política
0 shares36 views
Política
0 shares36 views

Justiça suspende por 30 dias eleição da Associação Paraibana de Imprensa

Jota Alves - jul 19, 2018

A alegação é que a atual diretoria incluiu cerca de 100 novos filiados sem o aval da Comissão de Sindicância

Pré-candidato a governador, Zé Maranhão é recebido pelo prefeito Antônio Gomes em Mari
Política
0 shares79 views
Política
0 shares79 views

Pré-candidato a governador, Zé Maranhão é recebido pelo prefeito Antônio Gomes em Mari

Jota Alves - jul 19, 2018

Maranhão confirmou para o próximo dia 5 de agosto a convenção de seu partido e das legendas que estarão coligadas

Policiais do 4° BPM prendem quatro homens com armas e carro adulterado 
Policial
0 shares122 views
Policial
0 shares122 views

Policiais do 4° BPM prendem quatro homens com armas e carro adulterado 

Jota Alves - jul 19, 2018

Os policiais deram voz de prisão, mas eles desobedeceram e aceleraram o automóvel, seguindo na PB 079

Leave a Comment

Your email address will not be published.