Policia apreende mais de 40 armas de fogo na Paraíba no fim de semana

Somente no primeiro semestre deste ano, a PM foi responsável pela apreensão de 1.421 armas de fogo

agosto 6, 2018
129 Visualizações

Quarenta e seis armas de fogo foram apreendidas, neste fim de semana, nas ações e operações realizadas pela Polícia Militar, em 23 cidades paraibanas. No período, foram detidos 116 suspeitos de homicídio, roubo, porte ilegal de arma, tráfico de drogas, furto, violência doméstica e outros crimes.

As apreensões de armas foram registradas nas cidades de Pocinhos, Coremas, Campina Grande, Juazeirinho, Teixeira, João Pessoa, São Bento, Bayeux, Santa Rita, São Bento, Boqueirão, Monteiro, Alagoa Grande, Caturité, Pitimbu, Lagoa Seca, São José dos Ramos, Cacimbas, Sousa, Araruna, Cachoeira dos Índios, Tavares e Santa Luzia.

Em Juazeirinho, a PM apreendeu seis armas de fogo com dois suspeitos, de 45 e 42 anos, em uma ação realizada na zona rural do município. As ações e operações da Polícia Militar devem continuar acontecendo durante toda a semana.

Armas apreendidas na Paraíba – Somente no primeiro semestre deste ano, a PM foi responsável pela apreensão de 1.421 armas de fogo, em vários municípios paraibanos.

Comente esta matéria

Você também pode gostar

Grupo suspeito de roubar pousada e motel é preso pela PM
Policial
0 shares68 views
Policial
0 shares68 views

Grupo suspeito de roubar pousada e motel é preso pela PM

Jota Alves - out 22, 2018

Da pousada, os suspeitos roubaram um celular, R$ 200 em espécie e algumas latas de cerveja

Guarabira: bandido armado assalta loja de cosméticos e leva R$ 11 mil
Policial
0 shares255 views
Policial
0 shares255 views

Guarabira: bandido armado assalta loja de cosméticos e leva R$ 11 mil

Jota Alves - out 22, 2018

Ele rendeu funcionários da empresa e clientes que estavam no momento do crime se deitaram ao chão

Bananeiras: diácono é encontrado morto dentro de casa
Notícias
0 shares925 views
Notícias
0 shares925 views

Bananeiras: diácono é encontrado morto dentro de casa

Jota Alves - out 20, 2018

A porta da casa estava fechada e precisou ser arrombada após a irmã do diácono perceber a falta dele