Prefeitura de Mari distribui 30 mil quilos de alimentos; 20 toneladas de milho

O projeto relacionado com o PAA/CONAB terminou nesta sexta-feira (22)

junho 23, 2018
173 Visualizações

Na manhã desta sexta-feira (22), antevéspera de São João, a Prefeitura Municipal de Mari, Zona da Paraíba, fez a distribuição de 20 mil quilos de milhos verde (cerca de 950 mãos de milho) e mais 10 mil quilos de inhame e macaxeira. Alcançar esta surpreendente cifra só foi possível graças à parceria firmada entre a prefeitura, a CONAB e o Governo do Estado. A parte das 20 toneladas de milho foi adquira com recursos do próprio município, a outra parte, o inhame e a macaxeira foram do Programa de Aquisição de Alimentos – PAA.

Os projetos do PAA Federal (CONAB) e Estadual (Secretaria Estadual do Desenvolvimento Humano-SEDH/EMATER) foram firmados ainda no ano de 2017 e somaram um valor de R$ 964.000,00 (novecentos e sessenta e quatro mil reais); o maior valor pactuado com o município até hoje. O contrato se deu através da Secretaria Municipal do Desenvolvimento Humano/CRAS; e o público beneficiário são as pessoas cadastrados nos programa sociais do governo federal.

O projeto relacionado com o PAA/CONAB terminou nesta sexta-feira (22); já foi apresentada uma nova proposta, porém com os cortes de recursos destinados aos programas sociais feitos pelo governo Temer, não se sabe se haverá verbas para contratar um novo projeto. Já o projeto firmado com o Governo do Estado, através da SEDH, terminará no próximo mês; como se vai está no período eleitoral, ainda não se sabe se será contratado antes das eleições.

No ano de 2017 o Governo Municipal, também através de parceria, distribuiu 18 mil quilos de milho verde na véspera de São João. Essa ação adotada pela atual gestão tem um significado muito importante por trata-se da distribuição, para as famílias mais carentes do município, do principal insumo para se fazer a tradicional comida de São João.

Um outro aspecto importante é a transparência com que vem sendo gerida a distribuição de alimentos, vista que a publicidade se dar de forma efetiva para o conhecimento de toda a sociedade, o local é público e de acesso para todos, diferentemente dos moldis operandis da gestão anterior, quando a distribuição dos alimentos era escondida; não se sabia a quantidade, o tipo de alimento a ser distribuído, a localização e nem o horário.

A bem da verdade, a distribuição de alimentos da gestão anterior até parecia que era segredo de Estado! E por falar nisso, cabe ser fazer uma perguntinha sobre a questão posta: quanto de alimentos, quais tipos foram distribuídos e se em algum momento foi feita distribuição de milho verde?

Fonte: ExpressoPB

Comente esta matéria

Você também pode gostar

Marginal assalta estudante em frente ao mercado público de Guarabira
Policial
0 shares370 views
Policial
0 shares370 views

Marginal assalta estudante em frente ao mercado público de Guarabira

Jota Alves - nov 20, 2018

As imagens mostram que o assaltante tomou o celular, puxou a bolsa e saiu correndo para a rota de fuga

Paraibano, de Sertãozinho, que matou mulher à facadas é preso
Policial
0 shares188 views
Policial
0 shares188 views

Paraibano, de Sertãozinho, que matou mulher à facadas é preso

Jota Alves - nov 20, 2018

Vanclécio foi capturado por familiares da vítima que estavam indo para o velório da jovem

Motorista é encontrado morto dentro de caminhão com placas de Parelhas-RN, à beira da estrada
Policial
0 shares238 views
Policial
0 shares238 views

Motorista é encontrado morto dentro de caminhão com placas de Parelhas-RN, à beira da estrada

Jota Alves - nov 20, 2018

De acordo com informações de testemunhas, provavelmente o motorista foi morto vítima de infarto