Prefeitura divulga programação do São João e São Pedro de Mamanguape

Walkyria Santos, Duquinha, Eliane, Raniere Gomes, Israel Novaes, Pedrinho Pegação e Pedro Chefe

maio 31, 2018
245 Visualizações

A Prefeitura divulgou, nesta quarta-feira (30), a programação oficial do São João e São Pedro de Mamanguape. Em vídeo lançado pela administração municipal, há o anúncio da apresentação de artistas do nível de Walkyria Santos, Duquinha, Eliane, Raniere Gomes, Israel Novaes, Pedrinho Pegação e Pedro Chefe.

A administração municipal está apostando no “maior” São Pedro da Paraíba. É dessa forma que a peça publicitária (vídeo) faz o chamamento a população da Região do Vale do Mamanguape e de todo estado para fazer das comemorações juninas do município.

A prefeita Eunice Pessoa, ao anunciar a programação do São Pedro da cidade, disse que teve apoio do deputado Ricardo Barbosa e do senador Raimundo Lira. Ela também confirmou que a festa será realizada sem comprometimento dos serviços prestados ao povo de Mamanguape.

Veja vídeo com as atrações

Comente esta matéria

Você também pode gostar

Projeto de Camila cria Política de Diagnóstico e Tratamento da Depressão
Política
0 shares17 views
Política
0 shares17 views

Projeto de Camila cria Política de Diagnóstico e Tratamento da Depressão

Jota Alves - abr 21, 2019

O projeto prevê ainda a realização de pesquisas visando ao diagnóstico precoce da depressão e seus distúrbios

Annita grava música com Madonna em álbum que será lançado em julho
Notícias
0 shares22 views
Notícias
0 shares22 views

Annita grava música com Madonna em álbum que será lançado em julho

Jota Alves - abr 21, 2019

A brasileira também contou que chorou muito ao ouvir pela primeira vez como ficou a parceria entre as duas em “Faz Gostoso”

Começa nesta segunda campanha de vacinação contra a Gripe
Notícias
0 shares20 views
Notícias
0 shares20 views

Começa nesta segunda campanha de vacinação contra a Gripe

Jota Alves - abr 21, 2019

A influenza é uma doença sazonal, mais comum no inverno, que causa epidemias anuais, sendo que há anos com maior ou menor intensidade de circulação desse tipo de vírus