Pró-Reitora de Graduação da UFPB descarta expansão para Guarabira

De acordo com Ariane Sá, o Governo Federal cortou no orçamento 45% das verbas de investimentos

março 24, 2017
1413 Visualizações

A expansão da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) para a cidade de Guarabira deve ser barrada com a redução dos recursos enviados pelo Governo Federal. A informação é da Pró-Reitora de Graduação da UFPB, Ariane Sá.

De acordo com Ariane Sá, o Governo Federal cortou no orçamento 45% das verbas de investimentos (cerca de R$ 350 milhões) nas 63 universidades públicas do país para 2017. “Por isso, não temos expectativas de criarmos cursos na cidade de Guarabira”, ressaltou.

O prefeito de Guarabira, Zenóbio Toscano (PSDB) disponibilizou inclusive de um terreno da Prefeitura do município para ser instalado o campus universitário desde 2013, mas até então o projeto não saiu do papel.

Segundo a Pró-Reitora de Graduação, a e expectativa é manter os patamares do ano, para não fechar as contas no vermelho. Ariane Sá negou a informação que de cursos no Campus de Rio Tinto estariam prestes a ser fechados.

Fonte: Clickpb

Comente esta matéria

Você também pode gostar

Homem atacado por onça-pintada é salvo por 5 cachorros
Notícias
0 shares19 views
Notícias
0 shares19 views

Homem atacado por onça-pintada é salvo por 5 cachorros

Jota Alves - jul 16, 2019

Conforme a ocorrência, o homem levou uma mordida e um tapa do animal na região das costas, o que causou várias lesões.

Ação policial prende grupo criminoso que toca o terror em Solânea e Araruna
Policial
0 shares14 views
Policial
0 shares14 views

Ação policial prende grupo criminoso que toca o terror em Solânea e Araruna

Jota Alves - jul 16, 2019

Com o grupo, também foi apreendida uma grande quantidade de maconha e crack, destinadas ao tráfico.

Moro chama novos vazamentos de ‘ridículos’ e desafia ‘The Intercept’
Política
0 shares46 views
Política
0 shares46 views

Moro chama novos vazamentos de ‘ridículos’ e desafia ‘The Intercept’

Jota Alves - jul 16, 2019

O ex-juiz ainda desafiou a equipe de reportagem, dizendo: “se houver algo autêntico, publiquem por gentileza”.