PT entrega cargos, rompe com Cartaxo e se mantém aliado a Ricardo

PT-reuniao-Executiva-PB
O PT estadual, liderado pelo seu presidente Charliton Machado realizou uma reunião nesta sexta-feira (18) para decidir os rumos da sigla após desfiliação do prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo que agora é filiado ao PSD.
O evento contou com muitos filiados e resolveram de forma unanime tomar algumas decisões, uma delas, foi de solicitar aos seus filiados que possuem cargos na gestão municipal que deixem suas pastas o mais rápido possível.
 
Confira a nota oficial do PT:
A Comissão Executiva Estadual do PT – PB, reunida em 18 de setembro de 2015, em total sintonia com a Direção Nacional do Partido, em virtude da decisão política do Senhor Prefeito de João Pessoa Luciano Cartaxo Pires de Sá, em se desvincular dos quadros do PT, considerando:
a) A surpresa com que o partido foi tomado pelo ato de tamanha importância, agravando-se por sua escolha por um partido conservador, cuja política nega todo o seu discurso anterior;
b) O que representou a eleição de um Prefeito do PT em João Pessoa nos 35 anos de nossa história;
c) Que a vitória do projeto petista buscou o protagonismo político e a construção de uma cidade democrática, participativa e menos desigual. Não haveria candidatura, nem mandato de Luciano Cartaxo, não fosse o PT e a sua militância;
d) Que a grande maioria das políticas implementadas pelo Governo de João Pessoa são programas executados com recursos do Governo da presidenta Dilma – PT, a exemplo do Minha Casa Minha Vida, os CREIs do Projeto Brasil Carinhoso, as UPAS, a Urbanização da Lagoa, as Escolas de Tempo Integral, etc.
Resolve aprovar por UNANIMIDADE:
1 – Destacar a importância da unidade do movimento popular e de esquerda em apoio à continuidade do mandato da presidente Dilma, da defesa dos direitos da classe trabalhadora da democracia e da soberania nacional.
2 – Conclamar a militância petista a empreender um esforço coletivo no sentido de fortalecer o PT a partir de um grande movimento de reorganização partidária que priorize o debate politico ideológico, a valorização de suas instâncias e que qualifique nossas relações com base no programa partidário.
3 – Continuar acreditando em um modelo de relacionamento e organização politica com base no debate de ideias e convicções. Desta forma, DELIBERAMOS que todos os filiados e filiadas que estão compondo o Governo Municipal de João Pessoa entreguem seus cargos ao atual gestor;
4 – Não nos furtaremos a enfrentar o atual cenário, construindo diálogos e debates políticos com os partidos progressistas e do campo democrático e popular, buscando prosseguir nossa caminhada em coerência com nossas ideias e propostas do PT, iniciando no processo eleitoral de 2016.
5 – Por fim, conclamamos a Direção Municipal de Joao Pessoa que imediatamente convoque uma ampla plenária de avaliação da nova conjuntura avaliando e decidindo os rumos do PT em nossa cidade em sintonia com as deliberações das instancias superiores.