Público recorde no OD em Guarabira é resposta do povo à gangorra, diz Célio Alves

O secretário-executivo do Orçamento Democrático Estadual, Célio Alves, avalia que o recorde de público registrado na audiência realizada em Guarabira no último sábado (18) foi uma resposta do povo à gangorra familiar dos 44 anos, que domina o poder local. “Assim como nas urnas, em 2018, a população, no Orçamento Democrático, compareceu em massa para demonstrar seu apoio ao governo e ao João Azevêdo, constantemente atacados pelos políticos das duas famílias que formam a gangorra dos quase 50 anos de poder”, disse ele.

Audiência do ODE reuniu quase 4 mil pessoas no ginásio da Escola Cidadã Integral José Soares de Carvalho, das quais 2.842 se inscreveram. O público foi o maior dos 9 anos de audiências do Orçamento Democrático na região.

Célio Alves lembrou os ataques que o ODE sofreu nos dias recentes. “A gangorra dos 44 anos articulou-se e desferiu ataques em todos os meios ao Orçamento Democrático, chamando-o de farsa, desestimulando o povo para não participar. Na prefeitura, quem fosse à audiência do ODE perderia o emprego. Mas o povo é forte, não se rende”, afirmou o secretário.