Ricardo comemora dados da segurança e alfineta Cartaxo: “devia ter humildade e aplaudir”

Veja as principais informações apresentadas sobre a segurança no estado

janeiro 9, 2018
162 Visualizações

O governador Ricardo Coutinho (PSB) reuniu a imprensa nesta terça-feira (9) para apresentar os números da segurança pública de 2017 e um balanço dos últimos sete anos. Na ocasião, provocado sobre as críticas da oposição, o socialista cobrou mais ação dos adversários e pediu humildade ao prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PSD), para reconhecer os avanços na segurança pública do estado.

“O prefeito da Capital podia pelo menos iluminar as ruas, podia ocupar as praças para proporcionar uma qualidade de vida melhor à população (…) Podia botar a guarda municipal para estar na frente das escolas municipais, mas passa longe disso”, disse o governador.

O socialista chamou de “debate empobrecido” as críticas da oposição, e foi mais fundo ao questionar como Cartaxo poderia ser candidato a governador sem ao menos entender sobre as políticas desenvolvidas no estado.

“Como alguém quer governar o estado sem entender nada das políticas em curso? Deveria ter mínimo de humildade e aplaudir os avanços da política publica no estado. Não consegue porque ele é pouco generoso e não tem estatura para esse momento que o Brasil vive. E mais ainda para o momento que a Paraíba vive. Um momento diferenciado, a Paraíba em ascensão”, afirmou

Dados da segurança

De acordo com os dados apresentados por Ricardo, desde que assumiu o governo, em 2011, a taxa de crimes violentos letais intencionais (CVLI) no estado apresentou uma queda de 28%. A redução acontece pelo sexto ano consecutivo e é a maior redução percentual acumulada do Norte-Nordeste nesta década.

Veja as principais informações apresentadas sobre a segurança no estado:

  • Redução de CVLI pelo 6º ano consecutivo, processo mais duradouro do país na década atual na redução da violência;
  • Redução acumulada de 28% na taxa de CVLI, com maior redução percentual acumulada do Norte-Nordeste nesta década;
  • 2ª menor taxa de CVLI no Nordeste. A Paraíba caiu 10 posições no ranking dos estados mais violentos em 6 anos;
  • Redução acumulada de 55% na taxa de CVLI em João Pessoa, que teve em 2017 tem a menor taxa de CVLI entre as capitais do Nordeste;
  • 21 mil armas de fogo apreendidas em 7 anos, média diária de 9,5 armas em 2017;
  • 3º estado com maior taxa de apreensões de arma de fogo do pais;
  • A Paraíba, na década passada, era o terceiro estado com o maior aumento na taxa de homicídios. Na década atual, com o Paraíba Unida pela Paz, estado tem a terceira maior redução na taxa de homicídios em todo o Brasil.

Do Blog do Gordinho

Comente esta matéria

Você também pode gostar

Vice-prefeito, Ronaldinho denuncia descaso na saúde pública de Pirpirituba
Política
0 shares9 views
Política
0 shares9 views

Vice-prefeito, Ronaldinho denuncia descaso na saúde pública de Pirpirituba

Jota Alves - abr 19, 2018

O vice-prefeito fez um apelo nas redes sociais, em nome dos moradores da Serra da Jurema

Com 9 cidades, Rota Cultural Raízes do Brejo 2018 tem calendário definido
Política
0 shares17 views
Política
0 shares17 views

Com 9 cidades, Rota Cultural Raízes do Brejo 2018 tem calendário definido

Jota Alves - abr 19, 2018

No mês de outubro, o calendário sofreu alterações devido ao pleito eleitoral que ocorrerá no dia 7 de outubro

Banco Central estuda criar sistema de pagamento instantâneo
Notícias
0 shares14 views
Notícias
0 shares14 views

Banco Central estuda criar sistema de pagamento instantâneo

Jota Alves - abr 19, 2018

A ideia é que pessoas e empresas possam transferir dinheiro em tempo real, sem restrição de horário ou forma de pagamento