Darc Bandeira renegocia débitos e prédios púplicos em Mulungu voltam a ter energia

fevereiro 28, 2013
572 Visualizações

A prefeita de Mulungu, Darc Bandeira (PSB), assinou no início da tarde desta quarta-feira (27,) com o coordenador de Relacionamento e Gestão da Energisa, Rômulo Pereira Gomes, a negociação do débito da Prefeitura com a empresa de energia no valor de mais de R$ 600 mil referentes aos cinco últimos meses do ano de 2012.

Além deste, a prefeita renegociou um outro débito existente, já negociado, mas que não estava sendo cumprido o pagamento da referida negociação. “Pagamos 20% do valor e parcelamos o restante”, disse a prefeita.

A assinatura do contrato de negociação foi feito e já está previsto para amanhã o restabelecimento da energia nos prédios públicos da cidade, que estavam sem energia eletrica.

As informações foram repassadas pela própria prefeita via Facebook, logo que encerrada toda a negociação.

Fonte: Expressopb

Comente esta matéria

Você também pode gostar

João vai injetar meio bi na economia com pagamento de salário e metade do décimo
Política
0 shares15 views
Política
0 shares15 views

João vai injetar meio bi na economia com pagamento de salário e metade do décimo

Jota Alves - maio 15, 2019

O governador destacou o equilíbrio das contas públicas da Paraíba e confirmou vários concursos previstos no Estado

Mamanguape terá Solange Almeida, Mara Pavanelly, Kátia Cilene e Amazan nos festejos juninos
Notícias
0 shares12 views
Notícias
0 shares12 views

Mamanguape terá Solange Almeida, Mara Pavanelly, Kátia Cilene e Amazan nos festejos juninos

Jota Alves - maio 15, 2019

As atrações foram divulgadas pela prefeita Eunice Pessoa (PSB), no final da manhã desta quarta-feira (15), no Centro Cultural Fênix, numa entrevista coletiva

Mototaxista é preso em Guarabira suspeito de tráfico de drogas
Policial
0 shares34 views
Policial
0 shares34 views

Mototaxista é preso em Guarabira suspeito de tráfico de drogas

Jota Alves - maio 15, 2019

Na residência ainda foram encontrados dois aparelhos de telefone celular e a moto de cor preta que teria sido, segundo testemunhas, utilizada por ele na ação criminosa

Leave a Comment

Your email address will not be published.