Calvário: STJ concede habeas corpus a Gilberto Carneiro, ao ex-procurador geral

Uma decisão da ministra do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Laurita Vaz, proferida nesta sexta-feira (21) concedeu habeas corpus ao ex-procurador Geral do Estado, Gilberto Carneiro, preso em dezembro durante a sétima fase da Operação Calvário.

O ex-procurador foi preso preventivamente no dia 17 de dezembro. Depois de ter o pedido de prisão domiciliar negado audiência de custódia, a defesa de Gilberto Carneiro impetrou junto ao STJ um pedido de habeas corpus, que foi negado no dia 19 de dezembro pela a ministra Laurita Vaz, relatora da Calvário no STJ.

Na última terça-feira (18) a 6ª Turma do STJ decidiu negar o recurso da Procuradoria Geral da República contra a concessão de habeas corpus ao ex-governador da Paraíba Ricardo Coutinho, que vai ter que cumprir medidas cautelares.

Em seguida outros presos da Calvário solicitaram a extensão da decisão que beneficiou o ex-gestor, dentre eles, Coriolano Coutinho, irmão de Ricardo Coutinho, que teve o pedido acatado nesta quinta-feira (20).