Josa da Padaria: “precisamos saber se há possibilidade de convergência para uma aliança”

Ex-prefeito de Guarabira e pré-candidato a vereador para o próximo embate eleitoral, Josa da Padaria (Cidadania) aderiu à febre das laves e iniciou semana passada encontros semanais com seus seguidores com transmissões ao vivo através de seu perfil na rede social Facebook. A live (entrevista) é ancorada pelo jornalista Eraldo Luís.

Na noite desta quinta-feira (25), na segunda live de Josa, depois de comentar sobre diversas questões administrativas, foi questionado a respeito de política de aliança e sua posição que defende no partido. Josa assegurou que essa questão ainda não foi definida no Cidadania.

“No início do mês o nosso partido fez uma reunião remota, quando Célio Alves decidiu permanecer no governo do estado, e ficamos de nos reunir depois para ver se lança uma candidatura própria ou se iria trabalhar uma possível aliança. Nós não nos reunimos depois disso ainda, já se comenta na cidade, até através de setores da imprensa, de que o partido terá uma candidatura, mas ainda não foi decidido oficialmente no âmbito partidário”, disse Josa.

Para o pré-candidato a vereador, o seu partido tem quadros importantes que podem disputar a majoritária, mas defendeu que seja uma decisão dialogada, pois o que ele pensa pode não ser o entendimento da maioria.

“O partido tem nomes, tem quadros, não tenha dúvida disso, mas vamos fazer um debate maior. Precisamos saber se é interessante uma candidatura própria ou se há possibilidade de convergência para uma aliança. Isso a gente vai decidir no âmbito partidário. Tão logo a gente tenha essa decisão eu vou me pronunciar sobre nossa posição. Vamos dialogar com o partido porque o que eu penso pode não ser o pensamento da maioria”, destacou o pré-candidato.

A declaração de Josa da Padaria, nome disparado na legenda em Guarabira com maior densidade eleitoral, põe água na fervura das intenções de Beto Meireles (Cidadania) em disputar pela terceira vez a prefeitura de Guarabira.

Semana passada o jornalista Gutemberg Cardoso divulgou na Rádio Arapuan FM de João Pessoa que Beto é o candidato do Cidadania em Guarabira. A declaração de Josa expõe que os integrantes do partido na cidade não foram consultados sequer sobre candidatura própria, quanto mais a respeito de nomes.

Base de João

Dos partidos que integram a base do governador João Azevedo em Guarabira, o único que está com pré-candidatura posta é o advogado Teotônio Assunção, filiado ao PDT. Sua pré-candidatura foi lançada no final de outubro do ano passado.

O lançamento foi prestigiado pela vice-governadora Lígia Feliciano (PDT), o deputado federal Damião Feliciano (PDT), o dirigente nacional do PDT, ex-governador de Alagoas, Ronaldo Lessa, o líder do governo na Assembleia Legislativa, Ricardo Barbosa e tantas outras lideranças.

O PDT se fortaleceu com a chegada de Teotônio e tem hoje a segunda maior bancada na Câmara (4 vereadores). O presidente da Câmara Marcelo Bandeira, a ex-presidente da Câmara, Neide de Teotônio e os vereadores Marcos de Enoque e Michel do Empenho. A legenda ainda atraiu o ex-vice-prefeito de Guarabira, Zé do Empenho e o suplente de vereador Gerson do Gesso.

O partido do governador, o Cidadania, tem o vereador Renato Meireles filiado `a legenda.