Polícia prende dupla que furtava argolas de túmulos em cemitério de Belém

 

Na noite desta segunda-feira (22), policiais civis e militares realizaram uma operação integrada que resultou nas prisões de dois indivíduos suspeitos de furtar pelo menos 50 argolas de cobre em túmulos do cemitério da cidade de Belém-PB. A polícia também conseguiu recuperar os objetivos que foram subtraídos dos jazigos.

Os elementos identificados pelas alcunhas de ‘Gagamel’ e ‘Mudo’ (esse pela deficiência vocal) foram presos e levados para a delegacia de Polícia Civil, onde serão ouvidos pelo delegado de plantão e autuados em flagrante por furto qualificado.

As investigações começaram depois que funcionários do cemitério observaram a ausência de argolas e denunciaram o caso à polícia. Entre os túmulos violados estava o túmulo de familiares de um policial que trabalha e mora em Belém-PB. Os investigadores começaram a investigar e chegar até os responsáveis.

As pessoas que compraram os objetos do furto também serão chamadas à delegacia para prestar esclarecimentos e, possivelmente, devem responder por crime de receptação.

A ação policial contou com homens da Guarnição do Comando da PM e do GTE – da Polícia Civil.