Ricardo defende ODE e manda André Gadelha estudar e pedir desculpas aos paraibanos

novembro 24, 2012
232 Visualizações

Deputado André Gadelha

O governador Ricardo Coutinho, durante a inauguração da rodovia PB-051, ligando Cajá a Caldas Brandão, nesta sexta-feira (23), comentou em entrevista à imprensa os ataques do deputado André Gadelha (PMDB) ao programa Orçamento Democrático Estadual. O parlamentar disse na Assembléia Legislativa que o ODE “só serve para distribuir cerveja e uísque nas plenárias”.

Ricardo defendeu o direito de os paraibanos escolherem democraticamente o que é melhor para suas respectivas regiões nas plenárias que são realizadas e disse que o deputado não está preparado para conviver com a democracia.

Ricardo foi duro na resposta ao peemedebista. “Eu acho que uma pessoa dessa não está preparada para conviver com a democracia, muito menos ser produto dessa democracia. Como é que alguém ataca de uma forma tão violenta, não só conselheiros do Orçamento Democrático? As pessoas que estão ali sem ganhar absolutamente nada, não tem nenhum vínculo com o estado, a não ser contribuir para criar um sistema de democracia participativa, onde o povo possa participar mais e melhor”, disse o governador.

Coutinho disse que o parlamentar deveria pedir desculpas públicas aos conselheiros do ODE e à população paraibana e mandou o peemedebista estudar a respeito do que representa democracia e repudiou a declaração.

“Esse deputado André Gadelha deveria pedir desculpas públicas, não é a mim não, mas a cada um dos conselheiros e principalmente aqueles que saem de casa, do seu sítio, que vai talvez pela primeira vez ver um governador de perto e tem a oportunidade de falar o que bem entender. Depois de pedir desculpas deveria estudar um pouco o que é democracia. O povo tem que participar do orçamento porque o dinheiro é do povo. Eu acho que uma declaração dessa deveria ser repudiada por todos os democratas”, falou Ricardo.

O governador defendeu o Orçamento Democrático Estadual e disse que a participação popular deve ser exercida na prática. “Não é possível que algo tão inovador que é isso que o governo está semeando dentro do nosso estado, que é responsável por 70% de nossas intervenções, que busca criar uma nova consciência, isso possa ser tratado de forma tão vil, tão violenta por alguém que teve o voto do povo e quer negar a esse povo o direito de participar”, concluiu Coutinho.

Comente esta matéria

Você também pode gostar

Alagoa Grande foi a cidade que mais choveu; confira o volume de chuvas e imagens do dia
Notícias
0 shares86 views
Notícias
0 shares86 views

Alagoa Grande foi a cidade que mais choveu; confira o volume de chuvas e imagens do dia

Jota Alves - jul 21, 2017

Por causa da estiagem prolongada, diversas cidades estão submetidas a severo racionamento e pelo menos seis municípios estão em colapso total

Contorno Rodoviário de Guarabira: saiba como será a programação de inauguração, neste sábado
Política
0 shares200 views
Política
0 shares200 views

Contorno Rodoviário de Guarabira: saiba como será a programação de inauguração, neste sábado

Jota Alves - jul 21, 2017

Aproximadamente 2.150 veículos devem passar diariamente pelo local

Ricardo voltar a ser lembrado para Presidência da República por senador do PSB
Política
0 shares46 views
Política
0 shares46 views

Ricardo voltar a ser lembrado para Presidência da República por senador do PSB

Jota Alves - jul 21, 2017

Além de Ricardo, Capeberibe citou os nomes de Lula, Ciro Gomes e próprio Requião como opções da oposição

Leave a Comment

Your email address will not be published.